Tempo de Travessia

 

Alguém já disse, e não me recordo quem seja, que há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares.

E que esse tempo, é o tempo da travessia. E que devemos ousar em fazê-la, pois do contrário iremos ficar, para sempre, à margem de nós mesmos.

Creio ser hoje o meu dia de atravessar… Partir sem olhar pra trás. Seguir sem olhar pra frente… Um passo de cada vez! Nem passado, nem futuro. Apenas o presente… Vida!

O tempo me ensinou… E cada vez mais!

Vivo aprendendo e sigo cantando… Por sinal, tem uma música da Ana Carolina que penso retratar muito bom como me sinto…

 

“…Não vou viver como alguém que só espera um novo amor

Há outras coisas no caminho aonde eu vou

Às vezes ando só, trocando passos com a solidão

Momentos que são meus e que não abro mão…”

 

E hoje, ao completar 55 anos posso dizer que…

 

“…Já sei olhar o rio por onde a vida passa

Sem me precipitar e nem perder a hora

Escuto no silêncio que há em mim e basta

Outro tempo começou pra mim agora…”

 

 Na certeza desse novo tempo, só me resta agradecer… Brigadinhu, Senhor, pelo dom da vida! 

Anúncios

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Gil Gavioli
    mar 29, 2011 @ 08:44:15

    Olá!!!
    Gostaria muito de estar nesse patamar de reconhecimento de mim mesmo.
    Suas palavras são sempre um bálsamo em minha alma. Sinto um alívio em ler seus poemas que são verdadeiras poesias de amor e respeito a vida.
    Mais uma vez, parabéns pelas palavras de conforto.
    Carinhos

    Responder

  2. gracaceia
    mar 29, 2011 @ 13:15:31

    Queridíssimo amigo, não sabia que o fazia tanto bem assim… Agradeço a Deus pelo por esse dom, pois só Ele mesmo pra iluminar minhas idéias, fazendo-as transbordar em forma de amor ao próximo.
    Se sou bálsamo, que seja pra acalentar corações e aromatizar campos fluídicos, capaz de neutralizar as energias negativas que circunscrevem o ânimo e a coragem de seguir viagem em busca de novas paragens.
    Gil, nem sei se estou nesse patamar todo que vc mencionou. À medida que o tempo passa mais certeza tenho de que sei que nada sei… Rs
    Sinceramente, penso que estamos a trocar energias, porque vc também me faz muitíssimo bem com seus comentários, visse mocinho!
    Brigadinhu pelo carinho… Estou duplicando-o!
    Bjinh♥s

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: