Vida… de encontros e despedidas!

 

Vida tem que ser real, senão não é vida… É morrer de saudade a cada instante!

Vida que vem e que vai… Muitas das vezes mais vai do que vem e sem dizer adeus. Por quê?

Milton coloca isso lindamente em encontros e despedidas…

Todos os dias é um vai-e-vem
A vida se repete na estação
Tem gente que chega prá ficar
Tem gente que vai
Prá nunca mais…

Dói não saber se você chegou pra ficar ou se foi pra nunca mais… Quem sabe isso quer dizer amor, será?

Se nada posso fazer no momento, sigo cantando e procurando entender o significado da sua vinda em minha vida…

Tem gente que vem e quer voltar
Tem gente que vai, quer ficar
Tem gente que veio só olhar
Tem gente a sorrir e a chorar
E assim chegar e partir…

Pra quem chegou lentamente… Você foi paz e e fez-se gente, fazendo-me feliz e deixando-me contente, e não poderia querer nada além. Nada além de uma ilusão, será? Tenho chaves, mesmo que habitatas em  mundos paralelos, tenho aval de trânsito livre e até telefones eu tenho, mas me falta o essencial… Você!

Só espero que a hora do encontro não seja também a da despedida… Que os sonhos acordem e nos mostrem a estrada de fazê-los acontecer!

Sigo alinhavando destinos… Interminável e internitentes, que sejam, mas sempre o será… Vida!

…É a vida desse meu lugar
É a vida desse meu lugar
É a vida…

Eu sou…Vida!

Vida… Que sou pra você!

♥ 

Anúncios

O avesso do avesso… Flagelos!

 

Busco por respostas, mas não as encontro…  Sinto-me dilacerada! Falta inspiração e palavras que possam alinhavar meus sentimentos e tentar re/construí-los.

Sei lá… To aqui pensando frente a esse massacre ocorrido na Escola Municipal em Realengo e me pergunto: Por que uns foram poupados e outros não?

Há dias venho lendo e refletindo, num exercício muito solitário, sobre umas mensagens bíblicas, que me são enviadas pelo meu querido Alfred. Isso porque ele não se digna a responder, né amado? Rs

Eu creio tanto que Deus nos coloca no lugar certo e na hora certa… Será que era o lugar certo e a hora certa praquelas crianças que acabaram morrendo, ou mesmo a todas as outras que passaram por aquele sofrimento, será?

Não estou duvidando, só preciso entender! Preciso de uma explicação que aquiete meu coração e me dê esperanças de uma vida plena e feliz…

Foram tantos anos de escola pública e ver isso é como se tudo tivesse sido inútil… Volto a me questionar: Que tipo de homem estamos formando e pra qual sociedade?

Esta doendo tanto, que parece que não irei agüentar… My god!

A Educação está em luto. O Brasil chora seus “brasileirinhos”, como bem disse a Presidenta, e o mundo  vive dessas sobras…

Quanto sofrimento! Quanta dor! Quantas vidas em desalinho…

Ó pai, ajude-nos a prosseguir viagem, mesmo que uns tenham ficado pra trás e outros tenham ido na frente, auxilia-nos a encontrar o melhor caminho…

Deixo não só minhas angústias, mas, sobretudo, meu carinho e solidariedade na tentativa de alinhavar… Refazendo o tecido da vida!

Só o Amor faz e refaz…

♥ 

Nada como o tempo

 

Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela.

Percebe também que aquele alguém que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente não é o “alguém” da sua vida.

Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você.

O segredo é não correr atrás das borboletas… É cuidar do jardim para que elas venham até você.

No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!

Mário Quintana

 ♥

Hoje estou meio melancólica, triste, magoada… Ou será que estou inteira? Por não saber, resolvi contrariar o Quintana. Rs

Com o tempo penso que aprendi quase nada… Ainda acredito que pra ser feliz eu preciso de outra pessoa. Triste constatação! Sinto-me meio capenga… Oh, céus!

Por que por mais que eu cuide do meu jardim, a fragrância do vizinho continua sendo melhor? As borboletas pousam lá… Rodopiam-se e faz a vida florescer!

Quantas dúvidas! E o tempo pouco fez… C’est la vie!

Por que amar logo um alguém que nada quer com a gente? Quanto sofrimento! Tornei-me um ninguém… Tentei, mas não consegui torná-lo o alguém da minha vida!

E se for verdade, ainda irei encontrar quem procura por mim…

Será?

  ♥

 

Ventos de Paz

 

Ao mergulhar no seu olhar sereno,
reencontrei rastros do que vivemos.
Navegador, águas de amor espero
longe do cais você me faz eterno.

Vem trazer, ventos de paz,
Muda minha vida, amor
Eu te espero o quanto for
abraça meu destino descobre meu caminho, querida.
Assim como essas flores que nascem entre as pedras da vida.

Te beijo com meus olhos, te entendo sem palavras, amiga.
Depois de tanto tempo pra tudo e todo sempre bem-vinda.

Vem trazer, ventos de paz,
Muda minha vida amor
Eu te espero o quanto for
abraça meu destino descobre meu caminho querida.
Assim como essas flores que nascem entre as pedras da vida.

Te beijo com meus olhos, te entendo sem palavras, amiga.
Depois de tanto tempo pra tudo e todo sempre bem-vinda.

Meu amor, meu amor.

Leila Pinheiro

Vem… Traga ventos de paz!

Hoje, sem muito falar…

Só sentimento!

Delicadezas…

 

  Aprendi que minhas delicadezas nem sempre são suficientes para despertar a suavidade alheia…

Caio F. de Abreu me dá a exata dimensão de que devo aceitar as pessoas como elas são, mas que nem por isso devo desistir de meu agir suave e delicado no encontro com o próximo… Gentileza nem sempre pode gerar gentileza, o que não significa ter que se igualar. Vale muito mais insistir em atitudes  humanas e fraternais, do que reproduzir velhas formas distorcidas de amor.

Quase nunca toda forma de amor vale a pena, visse Lulu Santos! Rs

Em todo sentimento, Chico canta e me encanta ao dizer que…

…Preciso não dormir
até se consumar
o tempo da gente.
Preciso conduzir um tempo de te amar,
te amando devagar e urgentemente…

É chegado o tempo da delicadeza… Quero usufruí-lo!

Por mais que na vida lá fora as pessoas gritem e esperneiem por tão pouco, aqui em mim é chegado a calmaria… A paz invandiu o meu coração!

E Gil me faz refletir…

…Eu pensei em mim
Eu pensei em ti
Eu chorei por nós…

Que emaranhado!

Em meio a tantos sentimentos, sigo alinhavando…

 

Relativizando…

 

Tudo que é bom dura o tempo necessário pra ser inesquecível…

Tudo é tão relativo!

Sinto, mas nem sei dizer…

 

Saudade são águas passadas que
se acumulam em nossos corações,
inundam nossos pensamentos,
transbordam por nossos olhos,
deslizam em gotículas de lembranças 
que por fim, morrem na realidade
 de nossos lábios.
Isadora Duncan

Hoje acordei pensando no tanto de saudade que estou sentindo… Inconfessável!

Se são águas passadas, porque nunca terminam de passar?… Interminável!

Se transbordam por nossos olhos, porque tenho a nítida sensação que estou a morrer afogada de amor?… Incontrolável!

Se morrem nos seus lábios, porque ainda não os encontrei?… Infindável!

Esses são os momentos agonizantes de uma saudade… Help!