Saudade…

Qual folha ao vento, vou flanando…

Há incertezas…

Há amor!